sexta-feira, 13 de setembro de 2013

Como ser um bom obreiro



É obreiro onde quer que esteja, é bem educado e demonstra mansidão;
Permanece em espírito, mesmo no trabalho ou em casa;
Chega cedo na igreja e não faz nada antes de orar;
Nunca sai sem arrumar a igreja, e orar pelo povo;



Tem temor com seu uniforme, com os utensílios e propósitos da igreja;
Se ele tem problemas, renova mais a sua fé, e trabalha mais ainda;
Evangeliza com prazer, faz discípulos;
Não precisa ser “empurrado”, mas sempre está disposto;


Não falta em seus compromissos e escalas;
Se renova trabalhando,

Sua postura é humilde, mas com autoridade;
Tem o respeito das pessoas, é visto como uma
pessoa de Deus;


Não vem para a igreja para jogar conversa fora;
Dedica-se em jejuar e orar pela Obra e pelo povo de Deus;
Sua oração é de fé, resolve e demonstra comunhão com Deus;
Tem prazer de ajudar o pastor;


Tem temor no trato com o pastor e os outros obreiros;
Tem prazer de estar com os outros obreiros;
Não se julga melhor, mas faz a diferença;
Não permanece exageradamente na casa dos outros;
Não se envolve financeiramente com pessoas da igreja;


Nunca tem maus olhos em relação a Obra, e as pessoas;
Não revela a nudez da obra, mas tem estrutura;
Vigia para não escandalizar os outros com suas atitudes;
É humilde para contar com as orações dos outros obreiros;


Ora junto com os outros obreiros e promove a espiritualidade;
Sempre é visto no meio do povo atendendo, e sabe a necessidade deles;
Tem postura diante de pessoas do sexo oposto;
Não é fofoqueiro, ao invés de falar mal, convida pra orar pela pessoa;


Cuida da igreja como da sua própria casa; limpando e arrumando;
Recebe as ordens como um soldado e nunca diz não posso;
Ao invés de apresentar problemas, traz soluções;
Não espera pelos outros para fazer a diferença;
Maneja bem a palavra de Deus;


Sempre fala coisas do espírito, suas palavras edificam, nunca derrubam;
Faz as pessoas terem prazer em ouví-lo;
Nunca promove a discórdia;
Não se envolve em confusões;


Procura sempre estar no mesmo espírito do pastor e da igreja;
Não é preguiçoso nem relaxado;
Procura saber o que falta na igreja e ajudar
Não foge da responsabilidade, mas assume como a sua benção;
Não aceita derrota, nem perder pro diabo;


Tem cara de leão e é feliz por servir o seu Senhor, como o soldado que serve a sua nação.

“Procura apresentar-te a Deus aprovado, como obreiro que não tem de que se envergonhar, que maneja bem a palavra da verdade.”2Tm 2:15

“Mas sede fortes, e não desfaleçam as vossas mãos, porque a vossa obra terá recompensa.”  2Cr 15:7

Características do bom obreiro:



1 – O bom obreiro teme a Deus acima de qualquer coisa. (Ecl. 12, 13)


2 – O bom obreiro se compromete a ser fiel a liderança pastoral, as doutrinas e estatutos(Hb. 13, 17)


3 - O bom obreiro não fica envolvido em fofocas nem em panelinhas. (II Tm. 2, 23)


4 - O bom obreiro tem que ser de confiança, honesto (a), verdadeiro e pontual. (Sl. 101, 07)


5 - O bom obreiro dá bom testemunho de cristão dentro e fora da igreja.

(At. 01 – 08)Sabe ouvir, falar na hora certa, se veste e se comporta com decência, e discretamente não dão escândalo. (I Cor. 10, 31 – 33)


6 - O bom obreiro é ensinável... não pode ser arrogante nem orgulhoso. (II Tm. 02, 02 e ITm. 04, 13)


7 - O bom obreiro não tem ciúmes de seu irmão quando lhe é dada a liderança de algum setor de igreja, ele tem que se alegrar. (I Pe 02, 01 e 05)


8 - O bom obreiro sabe que somos um corpo e quem honra é o cabeça (Jesus) e não do pastor. (I Sm. 02, 30 B)


9 – O bom obreiro tem que ser emocionalmente equilibrado, não pode melindrar com qualquer coisa, ficar ressentido e com sinais de amargura... de cara virada... tem que perdoar. (Mt. 05, 43 – 48)


10 - O bom obreiro tem que ser fiel a seu cargo, sua função é servir. (Lc. 16, 10 – 11)


11 - O bom obreiro anda preparado na ausência do pastor ou do evangelista, ele está pronto para pregar, orar, aconselhar as pessoas.


12 - O bom obreiro tem que saber tratar e corrigir as pessoas de forma amigável, mansa e amorosa... não deve ser autoritário, tem que respeitar seus limites. (II Tm. 02, 24 - 26)


13 - O bom obreiro deve respeitar e defender a liderança da igreja, não falar mal do pastor nem de outro obreiro, ele ora e não critica. (Sl. 62, 04 e Sl. 101, 05A)


14 - O bom obreiro ora e jejua pelo seu ministério, sua função na igreja pelos colegas,obreiros, pelo pastor e pela membrasia da igreja. (Mc. 09, 29)


15 - O bom obreiro se dedica diariamente na leitura da palavra de Deus e oração. (Sl. 01, 02e I Tes. 05, 17)


16 - O bom obreiro tem sede de ganhar almas para o reino de Deus. (Prov. 11, 30)


17 - O bom obreiro tem que evangelizar e ganhar almas. (Mc. 16, 15)

18 - O bom obreiro tem que ser dizimista e ofertante fiel. (Ml. 03, 10 e Sl. 101, 06)

Deus abençoe! em Cristo com amor

5 Comentários:

Emerson Jose disse...

Parabens pelo texto, Deus abençoe!

alexsandro souza mota disse...

Que benção esse texto

CALMA FERA • disse...

GOSTEI DESTE ESTUDO BIBLICO

janaina disse...

AMÉM ARREBENTOU...

Camila Oliveira disse...

E verdade

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Design by Wordpress Theme | Bloggerized by Free Blogger Templates | coupon codes